Skip to content

A própria FGF desvaloriza o Gauchão

janeiro 17, 2011

Foto: Luiz Armando Vaz/ClicEsportes

Quando pensávamos que o calendário brasileiro havia evoluído, com organização e uma distribuição de jogos por toda a temporada, voltamos a ter que assistir a um time atuar três vezes por semana. Pior do isso, o Grêmio entrará em campo três vezes em apenas cinco dias. Essa maratona começa contra o Ypiranga na quarta, segue com São José na sexta e termina diante do Universidade no domingo. Isso sem contar o duelo com Liverpool, pela Libertadores, dando a média de 48h a cada partida.

Por mais que a Federação Gaúcha de Futebol se esforce para deixar o Campeonato Gaúcho mais atrativo, voltamos a esbarrar sempre nos problemas do excesso de jogos da competição. Sendo assim, não adianta fazer Grenais itinerantes (sou contra, já aviso), disputa de dois troféus, além do próprio Gauchão, e auxílios de patrocinadores, se os dois principais clubes do estado precisam usar reservas ou até time B.

Todo ano, seja no Olímpico ou no Beira-Rio, vemos a mesma novela, a de time que disputa a Copa Libertadores da América não encontrar outra opção, senão usar reservas no Gauchão. Afinal, a FGF enfiou goela 16 clubes e assim obriga o campeão a jogar algo em torno de 23 jogos (se chegar às finais dos dois turnos). Caso haja final do campeonato, o que é sempre a tendência, esse número sobe para 25 partidas. Portanto, para um clube grande, que disputa competições mais importantes paralelamente, seja Libertadores ou Copa do Brasil, o uso de reservas se torna inevitável.

Francisco Noveletto deveria pensar que o sucesso do Campeonato Gaúcho está relacionado com a dupla Grenal. Se os dois clubes usarem reservas, então a competição perde força, a lógica é simples. Contudo, a FGF faz uma competição com número excessivo de participantes e de jogos, dando assim apenas 10 dias de pré-temporada ao Grêmio. Enquanto isso, o Cruzeiro se prepara com absoluta calma para a Libertadores, sem essa maratona louca de jogos. A Raposa sequer estreou ainda nesta temporada.

Logo, a própria entidade enfraquecesse o Gauchão, tornando-o uma competição longa em demasia, o que reflete na falta de datas para remanejar jogos devido à Libertadores. Isso obriga também o Grêmio a usar reservas, fazendo com que o estadual seja mais menos atrativo. Afinal, se a FGF não consegue atender aos anseios de seu maior filiado, junto com outro clube de Porto Alegre, então não há razão do Tricolor responder de maneira diferente, inclusive, no que se refere ao Grenal de Rivera.

Quanto ao Grêmio, Renato usará reservas contra o Ypiranga, em Erechim, titulares diante o São José no Olímpico. É provável que o técnico repita o time alternativo diante do Universidade, no Complexo Esportivo da Ulbra, já visando a partida contra o Liverpool. Caso o faça, não terá nenhuma objeção deste blogueiro.

Anúncios
5 Comentários leave one →
  1. Sanchotene permalink
    janeiro 17, 2011 12:08 pm

    Concordo bastante contigo nessa, Bruno. Deixei um comentário sobre isso no Impedimento, mas me aprofundarei mais sobre o assunto amanhã no BloGreNal:

    O problema dessa fórmula, é que basta terminar entre os 4 do grupo para disputar as finais. E, mesmo se não conseguir agora, tem de novo na segunda parte do campeonato.

    Essa fórmula CLAMA para que a dupla Gre-Nal comece a pré-temporada antes com jogadores da base e refugos do grupo principal, e jogue as primeiras rodadas do Estadual com esse time mesmo que ruim; mesmo que o clássico (aliás, para resolver isso, basta a federação inverter os turnos). Mesmo que venha a perder pontos, não farão muita falta.

    O Grêmio poderia muito bem ter reunido um grupo e começado a treinar na metade de dezembro. Se vai emprestar jogadores, não marca o retorno para janeiro, mas ao final do campeonato que o clube contratante tiver disputado. Pegando este ano como exemplo, sabia-se que esse hipotético time jogaria quatro partidas: Lajeadense, Ypiranga, Canoas SC e o clássico (é destruir com o clássico? É, mas quem manda marcar para tão cedo?!). Esses jogos serviriam para dar uma noção sobre quem é aproveitável e quem não é.

    O grupo titular estrearia contra o São José, depois jogaria as duas da pré-Libertadores, e só então participariam de vez no Gauchão, mesmo que ainda se faça rodízio para poupar uns e dar ritmo a outros. Afinal, se não classificar, tem a segunda taça.

    Isso é exatamente o que o Internacional está fazendo. Como teve o Mundial, e não tem Pré-Libertadores, a situação é um pouco mais dura. Se o jogo contra o Pelotas passar para quinta-feira, 10.2, aí seria a estréia do time titular. Se não, corre o risco de ser em Guaiaquil, mesmo; fazendo um amistoso no dia 9 contra quem quer que seja. De todo o modo, os reservas jogariam todo o turno ou quase isso. Bem na base do se passar, passou; se não classificar, paciência. Tem a segunda taça.

    Eu detesto essa fórmula por isso: o campeonato começa mesmo, em 20/2, nas finais da primeira taça. Até lá, ainda é pré-temporada…

    Abraço.

    P.S.: Não só não vejo problema nenhum nesses clássicos fora de Porto Alegre; como acho que se fizerem uma fórmula com dois Gre-Nal, ambos deveriam ser deslocados. Levaria os jogos para Rivera, Cascavel, Foz do Iguaçu, Campo Grande, Cuaibá, Brasília, Abu Dhabi, Doha, Tóquio, Los Angeles, Miami, etc.

  2. Luis Boeira permalink
    janeiro 17, 2011 5:29 pm

    Pois é, isso é uma falta de planejamento muito pesada para os jogadores, só prejudica o futebol.

  3. observador permalink
    janeiro 17, 2011 9:25 pm

    Sugiro ao presidente da FGF q faça o GREnal no Congo!!

  4. janeiro 18, 2011 7:40 am

    Podemos fazer uma troca de links?

    Já coloquei o vosso blog no meu site, na area de Links Amigos (http://www.jogosde-futebol.com/Links.asp)

    O meu site “http://www.jogosde-futebol.com/” pretende eleger os melhores jogos de futebol da história do Brasil, de cada ano, e de cada time, etc…

    O Link é: http://www.jogosde-futebol.com/
    Titulo: Jogos de Futebol

    Abraço

  5. Filipe Almeida Hackford permalink
    janeiro 19, 2011 11:58 pm

    Chico “orelhudo”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: