Skip to content

Traffic: Qualificação do grupo x Orgulho ferido

janeiro 13, 2011

Antônio Vicente Martins negocia parceria do Grêmio com a Traffic - Foto: Júlio Cordeiro (ClicRBS)Antônio Vicente Martins negocia parceria do Grêmio com a Traffic – Foto: Júlio Cordeiro (ClicRBS)

Em entrevista agora a noite para a Rádio Gaúcha, o vice-presidente de futebol do Grêmio, Antônio Vicente Martins, confirmou que o Grêmio seguirá as tratativas para acertar-se com a Traffic, maior empresa de marketing esportivo da América Latino.

A garantia de Vicente, no entanto, não agrada a todos. Há quem veja na Traffic certa semelhança com a ISL, empresa suíça com a qual o clube firmou parceria no ano 2000 para explorar a marca e os dividendos do marketing tricolor. O resultado disso todos devem lembrar.

Mas creio que a Traffic seja muito mais profissional e confiável do que a ISL. A empresa investe em grandes clubes, não só do Brasil. São jogadores qualificados, promessas ou afirmações, que podem qualificar qualquer grupo. Aqueles que são contrários citam o exemplo do Palmeiras, clube parceiro da agência e que, mesmo com os acréscimos técnicos bancados pela Traffic, não conquistou nada desde então.

Há de fazer uma ressalva: a parceria de Grêmio e Traffic é diferente daquela feita entre a empresa e o clube paulista. No caso do Grêmio, o clube seria uma espécie de “sócio” do jogador, o que não ocorre no Palmeiras. Aqui, o clube teria uma parceria de 50%.

O presidente executivo da Traffic, Julio Mariz, garante que sempre caberá ao Grêmio ter a prerrogativa de fazer a escolha. Não há qualquer tipo de privilégio ou prioridades para algum atleta, por exemplo. Ou seja: o clube escolherá os jogadores que a empresa dispõe para integrar o elenco. A Traffic também poderá sugerir reforços ao clube, que não terá obrigação de aceitar.

O primeiro reforço da era Traffic no Olímpico pode ser Coates, zagueiro revelação do futebol uruguaio. O jogador, que pertence ao Nacional, já participou da Seleção Sub-20 do país e é uma das apostas da parceria, que visaria incluir principalmente jogadores promissores ao invés daqueles já conhecidos pelo torcedor. Mas nada disso impede que “figuras conhecidas” desembarquem no Olímpico.

O certo é que deixar de acertar com a Traffic exclusivamente porque a empresa bancou financeiramente a ida de Ronaldinho Gaúcho para o Flamengo é um erro grave. Orgulho ferido não leva a lugar algum. Há de se perceber que a Traffic é formada por um grupo de empresários, não de torcedores gremistas. Talvez tenham percebido que, no caso de Ronaldinho, o retorno em marketing e publicidade seria muito maior e mais rápido com o clube carioca. Ainda que o torcedor gremista discorde, é uma lógica. O Flamengo é o clube de maior torcida e maior potencial midiático do Brasil. Tem ao seu lado a maior emissora de TV do país.

O Grêmio precisa pensar grande, precisa pensar no futuro. A qualificação do seu elenco passa obrigatoriamente pela aquisição de parcerias. Não precisamos ir muito longe. Tomemos por exemplo o Internacional. O grupo Sonda apresenta a alguns anos peças fundamentais para o clube. A própria Traffic, para quem não lembra, colocou Giuliano no clube, uma promessa na época. A empresa já foi parceira de Corinthians (especialmente no Mundial de 2000) e do Cruzeiro.

No futebol não há mais espaço para birras. É preciso pensar além da mágoa, do orgulho.

O Grêmio precisa se reforçar. E com urgência. A parceria com a Traffic é um ótimo indício de que isso irá acontecer.

Anúncios
12 Comentários leave one →
  1. janeiro 13, 2011 7:35 am

    Acho que a questão não é só qualificação do grupo e orgulho ferido, mas também a dependência que a traffic possa gerar no futuro, assim como está acontecendo no Palmeiras. Imagina o Coates jogando no Grêmio, faz um ano incrível, vencemos a Libertadores, o Grêmio quer renovar com ele para a próxima temporada, mas ele tem propostas da Europa e a Traffic quer lucrar em cima da negociação, não vão pensar duas vezes e vão vender o jogador com o Grêmio e a torcida querendo ou não.
    Outra situação: O Coates vem, não se adapta ao futebol, temos reservas jogando melhor do que ele, mas a Traffic não aceita o jogador no banco e faz pressão para que ele seja escalado no time titular porque afinal de contas, eles investiram um grana pesada para trazer o jogador e precisam colo-lo na vitrine.
    Outra situação: O Grêmio quebra o pau com a Traffic, o mesmo que está acontecendo com o Palmeiras. Não pode cancelar o contrato com a empresa porque os principais jogadores, e no caso do Palmeiras até o técnico, são da Traffic. Estão presos.

    Pra mim essa nunca foi e nunca será um boa parceria.

  2. heraldo permalink
    janeiro 13, 2011 8:26 am

    O RENATÃO disse, não precisamos da traffic, qualquer aproximação é para afromtar nosso tecnico.Fora Meira Junior(avm)

  3. heraldo permalink
    janeiro 13, 2011 8:39 am

    Quem é mais importante , neste momento para o GREMIO?
    antonio vicente martins(o patetinha), ou RENATO PORTALUPPI.
    Vá se cata ,patetinha, se o homi falou que não precisamos do traficco, então não precisamos, e sr patetinha se queres aparecer, compre uma passsagem para abu não da bi.

    • janeiro 13, 2011 8:48 am

      Heraldo, não é porque o Renato falou que não precisamos da Traffic, que temos que assinar embaixo. Primeiro porque ele não deveria se meter nesse assunto, no máximo opinar internamente caso fosse solicitado. Oras, Renato é técnico e ídolo, mas ainda é técnico. Essa decisão cabe ao presidente Paulo Odone e ao vice Antonio Vicente Martins. Existe uma hierarquia dentro do clube que precisa ser respeitada, até mesmo por um ídolo. Simples.

      Quanto a Traffic, dependendo do tipo de acordo, posso ser favorável. Sou temeroso quanto a ceder direito de certos jogadores da base, mas vamos encarar os fatos: Grêmio está sem dinheiro, precisa ainda de um zagueiro, volante e um meia. Não é apenas jogador para fazer elenco, é jogador de qualidade e experiência que precisa vir ao time para uma disputa de Libertadores, como o Vitorino.

  4. janeiro 13, 2011 9:16 am

    Acho que parcerias sempre são bem vindas, desde que muito bem pensadas. Acho que ficar de birra pq a Traffic levou o Ronaldinho Carioca para o Flamengo não leva a lugar nenhum, mas é preciso observar também que quando entra em jogo preferências, a Traffic já mostrou que sempre irá escolher times do eixo Rio-SP… ou clubes da Europa, onde eles também atuam. Portanto, é preciso buscar parcerias, investimentos para se fazer um time bom? Sim, diria que é imprescindível. Só é necessário ter muito cuidado nestas parcerias. A realidade é que não temos dinheiro, mas também não é por isso que temos que nos atirar de cabeça no primeiro parceiro que aparecer. É preciso pensar. E não confio muito no Antônio Vicente Martins. Grande profissional, demonstra ser uma boa pessoa, gremista de verdade, mas ainda estou ressabiado com o caso ISL. Por isso, por favor, dirigentes gremistas, tenham cuidado.

  5. Luis.SB permalink
    janeiro 13, 2011 9:34 am

    Olha só o que vi agora, o Grêmio deveria procurar esse jogador para jogar ao lado do Douglas ou pelo menos para reserva imediato.

    http://br.esportes.yahoo.com/noticias/esportes-contrato-no-alex-diz-espera-12012011-25.html

  6. Paulo permalink
    janeiro 13, 2011 10:04 am

    http://WWW.PERNADEPAUTUPA.WORDPRESS.COM

  7. janeiro 13, 2011 12:25 pm

    Olá!!

    Ronaldinho Ex-Gaúcho não quer jogar, quer apenas receber e festar!
    Quando nosso grande Presidente Odone falou que o Ronaldinho não teria tratamento especial e que queria vê-lo logo treinando e se esforçando como todos os atletas do clube, espantou o mercenário.

    Ronaldinho pensou!! “Vou ter que correr muito, jogar muito com o Grêmio. A responsabilidade da Libertadores vai pesar em mim. Vou ganhar um dinheirão por mês, e não estou bem, já não jogo à três anos, só na reserva.

    Decido ir para o Flamengo, lá dou uns migué, jogo um joguinho, sinto dores musculares e ficou uns dois ou três fora, e recebendo minha grana. Vou curtir.”

    Obrigado Ronaldinho pela honestidade. Se é para tomar dinheiro de algum clube brasileiro, que não seja o Grêmio do coração.

    Obrigado!!

    O que não aguento mais é esses colorados, veja esta carta que está rodando pela net:

    http://www.clubenews.com.br/colorado-mazembe-esta-debochando-da-torcida-do-gremio-logo-apos-o-flamengo-anunciar-a-contratacao-do-ronaldinho-gaucho/

    Vamos dar uma resposta a altura pra eles,
    Dá-lhe Grêmio!!

  8. Alfredo Carlet permalink
    janeiro 13, 2011 4:22 pm

    ” As cores do GRÊMIO são o AZUL CELESTE, o branco e o preto e não podem ser alteradas em hipótese alguma.”
    ESTATUTO, artigo 113.

  9. Alexandre permalink
    janeiro 13, 2011 6:42 pm

    Fora traffic!!! A diretoria do Grêmio precisa investir em novos associados, estes sim podem erguer o clube, essa parceria já comecou errado.

    Fora Mercenários

  10. janeiro 13, 2011 8:43 pm

    Acompanhe fatos históricos referente ao Clube tricolor

    http://gremiohistoria.blogspot.com/

  11. giovani montagner permalink
    janeiro 13, 2011 10:07 pm

    estou decepcionado com a nova direção.
    a eleição foi realizado há um bom tempo e até agora a única contratação foi do atacante lins. o odone não é inexperiente e sabe como funciona, sabe da necessidade de reforços para disputar uma libertadores, e até agora eles ficaram presos numa contratação onde a equipe não é carente.
    dinheiro nenhuma equipe brasileira tem, isso é desculpa.
    as melhores noticias do caso do trairá são sua não vinda e a traffic longe do Grêmio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: