Skip to content

Guarani é o pior do returno

novembro 23, 2010

Foto: Elcio Alves/AAN

O Grêmio está a duas rodadas para garantir a quarta colocação do Campeonato Brasileiro e assim, no dia 8 de dezembro, torcer por LDU ou Independiente na Sul-Americana para lhe garantir a vaga na Libertadores. O time de Renato Portaluppi é o melhor do retorno, com 37 pontos, cinco a mais que o Cruzeiro. Apenas não briga pelo título devido ao péssimo primeiro turno. Situação oposta, porém, vive o Guarani, o próximo adversário do Tricolor, neste domingo (28), no Brinco de Ouro.

No primeiro turno, o Bugre fez uma boa campanha, ficando na nona colocação com seis vitórias, oito empates e cinco derrotas. Pode parecer nada excepcional para quem foi duas vezes finalista do Brasileirão e que levantou essa taça em 1978. Mas os tempos áureos em Campinas estão longe da atual realidade. Nem Ponte Preta, tampouco o Guarani, conseguem apagar a nostalgia dos campineiros aos velhos esquadrões, que faziam frente aos grandes do Brasil.

O Guarani caiu para Série B em 2004, ano que nós, gremistas, também temos lembranças terríveis. Só conseguiu voltar para Série A em 2009, com o surpreendente vice-campeonato da segunda divisão. Isso porque no mesmo ano, o Bugre caiu para a Série A-2 do Campeonato Paulista, onde persiste até hoje, sem conseguir voltar para elite paulista neste ano. Portanto, um time estar na segunda divisão do Estado e ainda ser presença na Série A do Brasileirão é, de fato, surpreendente.

Contudo, o segundo turno do Guarani é péssimo, embora seja o mais fiel à sua atual realidade. O time comandado por Vagner Mancini parece ter gastado todas as suas forças, não conseguindo mais se manter de pé no restante da competição. Logo, o alviverde é o pior time do returno, com apenas 11 pontos, duas vitórias, cinco empates e 10 derrotas, além de não vencer há 11 rodadas. Com toda certeza, será o terceiro clube a cair para Série B de 2011, fazendo companhia a Goiás e Prudente.

Fato é que o time de Mancini caiu no momento errado. Em 2009 e 2010, Fluminense e Atlético Mineiro foram as equipes que permaneceram maior parte do campeonato na zona de rebaixamento, mas saíram no momento certo. Hoje, o Galo, agora dirigido por Dorival Junior, não irá cair. Mas quem faz o caminho oposto e cai na zona da degola na reta final do Brasileirão, dificilmente escapa. É o caso do Bugre.

O Guarani é um reflexo do abandono que passa o futebol do interior paulista após anos e anos de Marco Polo Del Nero na Federação Paulista de Futebol. Outrora com times fortes e tradicionais como o próprio Bugre, Ponte Preta, Botafogo (de Ribeirão Preto), Comercial, Ferroviária entre tantos outros, São Paulo vê os times fora do G-4 paulista (Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos) perderem força. Hoje, o interior é dominado por empresários, que comandam times sem raízes, torcida e tradição, como o Prudente e Guaratinguetá, que mudam de cidades, como se fossem clubes itinerantes.

Por mais que o jogo seja “jogado” ou termine quando o juiz apita o final da partida, o favoritismo e até a obrigação do Grêmio sair de Campinas com os três pontos se torna inevitável. Não apenas por ser o melhor time do retorno contra o pior, mas para quem tem a pretensão de brigar por G-4, não pode falhar na reta final contra um time tecnicamente inferior e psicologicamente abalado. Trata-se de um jogo perigoso, pois o Guarani tentará de tudo para sair dessa situação ao lado da torcida. Mas o Grêmio também deve tratar este como se fosse também o jogo da vida.

Anúncios
3 Comentários leave one →
  1. observador permalink
    novembro 23, 2010 6:48 pm

    Pois é ,mas é uma situação muito perigosa o jogo contra o Bugre,porq acho q eles ainda tem chances matemáticas de se salvarem,vao jogar copa do mundo,sem contar com as famosas “mala branca,mala preta”,esse jogo vai ser dificil por esses motivos.Lembro do começo dos anos 90 qando o futebol do interior paulista era forte,Mogi Mirim,Sao joao de Araras,a propria Portuguesa,mesmo não sendo do interior não era considerada grande e o Sao Caetano,q foi vice brasileiro, nesse aspecto o futebol paulista anda fraco mesmo.

  2. novembro 24, 2010 4:15 pm

    POR ESTAR QUASE MORTO , E AI QUE ESTA O ” GRANDE PERIGO ” NEEEEEEE . O GREMIO NAOOOOOOOO PODE DAR CHANCE ok . ( ESTRANGEIROS e EMPRESAS , BABAMMMMMMMM pela ARENA GREMISTA ) ontem no RIO . VEMMMMM BOAS PARCERIAS POR AIIIIIIIIIII ok . MAIS NOTICIAS SITE DA ARENA .

  3. novembro 24, 2010 4:17 pm

    EVENTO ” SOCCEREX ” SOBRE FUTEBOL no RIO , ONTEM e HOJE !!!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: