Skip to content

Hora de assumir a paternidade

julho 25, 2010

A situação do Grêmio é grave só por estar na zona de rebaixamento. Contudo, fico em pânico ao ler e ouvir as declarações dos nossos dirigentes.  Meira diz que o Grêmio voltou. Alguém viu? O que vi foi um time que, mesmo jogando melhor do que o Cruzeiro, cometeu as mesmas falhas e deixou a vitória escapar. Esse é o Grêmio que queremos? O nosso diretor de futebol desconhece o perfil do Imortal Tricolor.

O presidente Duda Kroeff parece perdido e se esquiva do momento crítico. Sempre minimizando, seja na derrota, seja pela colocação na classificação ou até mesmo pela briga entre jogadores do Grêmio no vestiário. As vias de fato entre Rodrigo e Jonas mostram o quanto nosso time se perdeu, o quanto o comando inexiste e a falta de capacidade de Silas e Meira de controlarem a situação.

Agora, mais importante do que demitir o técnico, é a saída emergencial do Meira. No seu lugar, quem deve assumir é o Cacalo. Foi ele que usou de sua influência entre os associados para colocar essa gestão na presidência e agora que assuma a paternidade e mostre o seu gremismo. Estou cansado de ler suas declarações inócuas. Está na hora de mostrar ação.

O mesmo vale para o senhor Fábio Koff. Sua história no Grêmio corre o risco de ser seriamente machada pela sua omissão ao momento crítico vivido pelo clube. Ele também usou a sua imagem para eleger Duda Kroeff e tem responsabilidade pelo momento. Chega a ser revoltante vê-lo admitir que está distante do que ocorre no Grêmio.

Não dá mais para ficar parado. Minha paciência com Silas acabou. Embora não sejam unanimidades, Tite e até mesmo Renato Portaluppi poderiam dar uma injeção de ânimo a esse time. Até Marcelo Rospide consegue organizar melhor essa equipe, provou isso em duas oportunidades em 2009. Porém, mais importante do que a demissão de Silas é a queda de Meira e uma intervenção em Duda Kroeff na presidência. Chega desses discursos patéticos e melancólicos desses dirigentes.

Anúncios
11 Comentários leave one →
  1. Alfredo Carlet permalink
    julho 25, 2010 8:48 pm

    INVASÂO VERMELHA:
    Formadores de opinião, federação, cbf estão repletos de colorados inteligentes, atuantes, mobilizados.
    Arbitragens errando sempre contra o GRÊMIO, janela aberta sem contestação, Roth agora é maravilhoso, fotos de jogadores com crianças em alto astral no lado deles…
    Indignação gremista tem sido mínima, parecemos submissos, anestesiados, diante desse massacre diário vermelho.
    Tem vermelho demais…

  2. David permalink
    julho 25, 2010 8:55 pm

    Quando se ve jogadores como aquele tal Douglas no nosso time e ninguem faz nada só ai ja da pra ver a merd.. que estamos. Este jogador ganha demais e caminha em campo,contra o Santos deu os contra ataques para os gols deles e ninguem viu ou lembra. O tecnico é ridiculo,o time erra passes de 3 metros e finalizações ridiculas. Na hora de bater falta todo mundo quer bater, não tem um batedor oficial. Mas o Pior de TUDO é escutar do tecnico,do presidente e do diretor que é normal os jogadores “LUTAREM” no vestiario. Estamos se encaminhando para o pior.

  3. Alfredo Carlet permalink
    julho 25, 2010 9:08 pm

    Se pelo menos as últimas duas arbitragens fossem competentes,estaríamos com15 pontos…
    Nem lembro antes, Prudente…

  4. julho 25, 2010 9:31 pm

    Bruno,

    Te faço a seguinte pergunta: se você fosse o excelentíssimo Fábio Koff, Bicampeão da América e Campeão do Mundo, se envolveria?

    Sejas sincero, se envolveria? Eu não.

    Nas eleições, ele somente apoiou. Apoiar é crime? Jogue a culpa única e exclusivamente no conselho de administração atual.

    Abraço.

    • julho 25, 2010 9:40 pm

      Rodrigo, tentaria fazer algo sim. Embora admita que esse tipo de julgamento é complicado, pois você não vive esse contexto para ter uma maior compreensão dos fatos.

      Mas a partir do momento que o Koff usou de sua imagem e popularidade para colocar alguém na presidência do Grêmio, ele passa a ter responsabilidade sim pelo futuro do clube. E é essa falta senso que me irrita nele.

      A partir do momento que ele resolve se meter no processo eleitoral no clube, automaticamente Koff já se envolve na política e futuro do clube. Por isso, ele não tem que tirar o dele da reta não.

      E de certa forma, ele já manchou, ainda que pouco, a sua história de Bicampeão da América e Campeão do Mundo. Basta ver a queda de sua popularidade entre os gremistas.

      A culpa maior, claro, é do conselho de administração. Mas quem foi peça fundamental para influenciar os sócios (também culpados) para eleger Duda Kroeff? Cacalo e Koff.

      Abraço.

  5. borracho permalink
    julho 25, 2010 10:12 pm

    Cara, essa direçao nao vai fazer nada (eh so lembrar q eles mantiveram o Burroth apos tomar 4 x 1 no Grenada e entregar o Brasileiro pro SPFW em 2008, e ainda por cima renovaram com um salario absurdo de 250 mil)… se a gente quiser alguma coisa vai ter q ser na marra. Muitos trapos com FORA MEIRA no Grenada e proximos jogos no Olimpico alem de protestos contra ele antes, no intervalo e depois dos jogos.

    Eu tava preocupado com a possibilidade do Gremio passar mais um ano sem disputar nada no segundo semestre, mas depois dessa briga no vestiario começo a pensar ate no risco de rebaixamento de fato! Nao adianta trocar tudo se o grupo estiver sem controle, o novo dirigente do futebol vai ter q trabalhar muito bem essa questao e ter pulso firme pra fazer a limpa q ja deveria ter sido feita na pausa da Copa. Uma das coisas mais importantes pra mim em um jogador eh o temperamento, e dos q jogaram hoje definitivamente Douglas, Hugo (q so jogou bem aquele primeiro Grenada) e Rafael Marques (q sempre fica rindo em campo quando as coisas estao mal) nao o tem na quantitade necessaria pra jogar no Gremio. O Douglas eh o pior pois tem potencial e o Gremio o comprou por quase 4 milhoes, mas mesmo com toda ajuda e incentivo (q eu espero q ele esteja recebendo) ele sempre desiste uma hora no jogo. Eh preciso ter uma coversa seria com esse jogador e manter na redea curta, se mesmo assim nao render tem q mandar embora (pelo menos eh uma otima moeda de troca).

    O Victor eh outro q foi pintado como uma coisa q ele nao eh… vai ser um golpe duro pra ele agora, mas acho q deveria perder a braçadeira de capitao. Talvez assim ele nao se sinta tao pressionado e quem sabe ate intocavel, recuperando aquela humildade de quando ele chegou no Gremio indo em todas as bolas com muita vontade (como eu ja disse antes, por mais q ele se recupere nunca vai valer os 200 mil por mes). O novo capitao poderia ser o Rochemback, q por sinal foi com quem o Jonas comemorou o gol e estava dando uma de tecnico na beira do gramado (e segundo o Vidarte a sugestao de mudança de esquema veio das lideranças dos proprios jogadores – provavelmente Rochemback estava no meio).

    Agora eh hora de apostar tudo no Grenada, se o Gremio perder fazer aquela limpa no elenco, comissao tecnica e direçao de futebol, se ganhar pode ate se manter o tecnico e parte do elenco, mas alguns nabas e principalmente o Meira tem q sair de qualquer jeito.

  6. borracho permalink
    julho 25, 2010 10:19 pm

    Rodrigo Rodrigues, apoiar nao eh crime, mas fazer como o Koff fez de apoiar so na hora da eleiçao revertendo diretamente o resultado da mesma no ultimo dia e depois nao dar a minima pro q aconteceu depois demonstra uma total falta de interesse dele no Gremio.

    Ou quem sabe um total interesse apenas nas questoes politicas e de poder? Nos sabemos muito bem q ele se interessa por isso pois eh capaz ignorar seu gremismo e ajudar o maior rival so por troca de favores politicos (falando do Clube dos 13 no caso).

  7. borracho permalink
    julho 25, 2010 10:23 pm

    E alem de pedir voto ele ainda disse q ia se envolver diretamente no futebol tambem pois queria ajudar o Gremio a conquistar o Tri da America… me lembro q ao ouvir isso ate fiquei mais tranquilo apos saber o resultado daquelas eleiçoes.

  8. julho 25, 2010 10:33 pm

    Borracho,

    Interesses políticos todos têm. Ou você acha que Odone concorrerá à presidência somente porque ama o clube?

    Sobre o Koff se envolver diretamente no futebol, existe um porém aí. Ele apoiou Duda porque queria Krieger no comando do futebol, mas o diretor de futebol saiu. Conclusão a que chego: ele deu as costas ao mesmo tempo.

    Abraço.

  9. giovani montagner permalink
    julho 26, 2010 2:27 am

    borracho, concordo com as faixas. só lembro que em um episódio semelhante, uma faixa contra o roth ou krieger, não lembro, ano passado, a direção mandou os seguranças para o torcedor retira-lá, não respeitando sua manifestação.
    fiquei preocupado! em 2004 o time não era tão ruim para ser rebaixado é foi a mesma bagunça e incompetência dos dirigentes.

  10. julho 26, 2010 10:14 am

    Acho, Giovani, que o time de 2004 era mais apto a cair sim. Era uma equipe mais fraca se comparada ao time de 2003, que já correu sérios riscos de rebaixamento e escapou do pior nas última rodada. Ao contrário daquele fatídico ano, o time de 2010 seria capaz de brigar até por título, apesar das limitações. Porém, a desorganização em campo, fragilidade no comando e a clara inexperiência do presidente são elementos assustadores. Acredito que uma pessoa capaz de controlar a situação coloca o Grêmio nos eixos. Mas aí é outro problema…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: