Skip to content

Supremacia Gremista: Alguma surpresa? Nenhuma…

junho 1, 2010

Chega a ser constrangedor parte da mídia esportiva do Rio Grande do Sul tratar as torcidas da Dupla GREnal como se fossem iguais. Assim como é uma piada de mau-gosto o clube do aterro tentar iludir seus torcedores de que se trata da maior torcida do estado. Para quem faz marketing de “Campeão de Tudo”, mesmo sabendo que o Grêmio é aquele que tem mais títulos em diferentes torneios, tal prática não chega a surpreender.

Este ano de 2010 mais uma vez escancara que, apesar da fase modesta e sem grandes conquistas, a torcida gremista continua soberana no Rio Grande do Sul e também fora do estado se comparado ao co-irmão. Pela 15ª vez consecutiva na pesquisa Top of Mind, a marca Grêmio foi mais lembrada, com 53,3%, contra 37,9% do segundo colocado.

Na semana passada, mais uma nova pesquisa sobre torcidas de futebol brasileiro foi divulgada e confirmou, novamente, a superioridade da torcida gremista sobre a rival. Desta vez a afirmação foi do Instituto Análise/Insight Comunicação que realizou 9 mil entrevistas pessoais e domiciliares entre os meses de abril e dezembro de 2009, em 70 cidades, abrangendo todas as regiões metropolitanas e o interior do país.

Segundo pesquisa, o Grêmio teve 5% dos entrevistados, correspondendo a 9,5 milhões de torcedores pelo Brasil. Já o clube do aterro recebeu 3%, assim representando 5,7 milhões de torcedores, resultando numa diferença de cerca de 4 milhões de torcedores a mais para o Grêmio. Essa diferença entre as torcidas é algo próximo ao total de colorados.

No blog Além do Jogo, de Marcelo Damato, teve a publicação da pesquisa LANCE!-Ibope de torcidas e pela milionésima vez o lado azul se torna mais presente. Conforme dados da pesquisa, o Grêmio é representado por 4%, enquanto que o S.C. 2006 parece com 2,5%. Logo, percebe-se uma diferença considerável entre as torcidas.

Ainda existe colorado que questione essas pesquisas. Tudo bem, se fosse uma ou duas, seria compreensível entender. Porém, tal afirmação é feita há mais de uma década e nenhuma pesquisa nesse período comprovou superioridade vermelha. Pelo contrário, a Torcida Gremista sempre manteve a ponta no Rio Grande do Sul, na região sul e em nenhum momento foi ultrapassado pelo rival no Brasil inteiro.

Portanto, é preciso desmistificar que metade do Rio Grande do Sul é azul e a outra é vermelha. Isso não é verdade, nem dentro do estado gaúcho e nem fora de sua divisa. Para isso, até deveríamos esperar esse papel esclarecedor da imprensa esportiva local, mas, infelizmente, ainda me parece utopia.

Esse mito de que os torcedores gremistas e colorados dividem o Rio Grande do Sul prejudica os dois clubes, como bem abordou Cristian Bonatto. A lenda urbana que predomina no estado é que a marca deve patrocinar os dois e não apenas um, senão a outra metade não compraria seus produtos ou suas prestações de serviços. Oras, isso é puro imaginário, sem uma pesquisa séria que comprove tal fenômeno.

Mas isso prejudica principalmente o Grêmio, que é a maior torcida do Brasil sem contar os clubes de São Paulo e Rio de Janeiro. O potencial de compra da nossa torcida e a força da nossa marca são imensos e deve ser melhor abordado e mais respeitados por parte da mídia. Também falta uma ação mais incisiva do próprio Grêmio, questionando esse papo de “metade azul e metade vermelha” e afirmando pelos meios de comunicação que isso é uma falácia.

Tudo isso somente tende a fortalecer a marca Grêmio, atraindo mais capital, aumentando investimento para a construção de times mais fortes e conquistando títulos. É um efeito dominó que só tende a beneficiar o Tricolor, mas para isso, é preciso ter um trabalho sério para atrair grandes patrocinadores e se ver livre desse mito do Rio Grande dividido entre azul e vermelho.

Anúncios
3 Comentários leave one →
  1. COLORADO permalink
    junho 1, 2010 1:13 pm

    SE PREOCUPE COM TORCIDA, Q NÓS VAMOS EMPILHANDO TITULOS E TAMO NA SEMI DA LA 2010 !
    FICAMOS 70 ATÉ 2006 SEM GANHAR UM TITULO DE EXPRESSÃO ( COPA DO BRASIL NÃO CONTA PQ ATÉ JU E CRICIUMA JÁ GANHARAM ) E VCS ESTÃO DESDE 96 SEM ERGUER UMA TAÇA QUE VALE ALGO..
    LOGO SEREMOS NOVAMENTE A MAIOR DO SUL, DEIXAMOS NOSSOS FILHOS CUIDADNDO AHORA ES LA VEZ DO PATRON DO PAMPA ASSUMIR O COMANDO !
    GRACIAS HIJO MIO !

  2. junho 1, 2010 1:48 pm

    Copa do Brasil não conta? Então me esclareça uma dúvida… Por que o seu clube tinha uma estrela sobre o escudo em referência à Copa do Brasil 1992 por tantos anos? E a Copa do Brasil de 2009 não importava nada pelo jeito, não é?

    A fase boa do Inter vem desde 2006 e continuamos com soberania de torcida. Se entendesse bem o meu artigo, veria que quero dizer que a torcida é fundamental para o crescimento econômico do clube e consequentemente crescimento esportivo. E pelo simples fato de tratar fato de tratar ambas como iguais prejudica o seu time, porém, ainda mais o Grêmio.

    Ah sim! Nossa fase ruim é de 2001 a 2010 até aqui. A fase ruim de vocês é de 1992 a 2006, logo vê que a diferença é maior. Isso é claro, contando com a sua visão, a diferença aumenta de 1979 a 2006. Portanto, aqui vai um conselho: aproveita bem a maré boa. Na dupla GREnal sempre foi assim, logo a de vocês acabara e virá um longo jejum, caso o ciclo se repita.

  3. João Luiz permalink
    junho 1, 2010 5:49 pm

    pra que perder tempo respondendo a macaco? se o cara foi o primeiro a entrar aqui e comentar, é porque mais uma vez essas pesquisas magoaram os aterristas da beira do lago…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: