Skip to content

Jardel deveria pendudar as chuteiras

fevereiro 26, 2010
tags:

Não vi o jogo entre Palmeiras e Flamengo-PI no Palestra Itália, pois estava na faculdade. Apenas havia acompanhado a partida de ida realizado em Teresina, na vitória de 1×0 da equipe palmeirense. O maior motivo de assistir ao jogo era observar Jardel em campo. Não esperava aquele mesmo goleador do Grêmio e carrasco do Palmeiras da Libertadores 1995, tampouco o grande artilheiro do Porto. Mesmo assim, quem sabe se ele poderia aprontar algo, não é?

No entanto, decepcionei-me. O técnico do Flamengo-PI, Walter Maranhão, apenas o colocou em campo faltando dois minutos para o final do jogo. Nem posso condená-lo, pois Jardel estava visivelmente gordo a ponto de deixar Ronaldo fininho.

Na partida desta quinta-feira (25) no Palestra Itália, Jardel conseguiu se lesionar no aquecimento. Uma cena que não imaginava ver um dia no futebol. Artilheiro e eterno ídolo do Grêmio, chega a ser triste ver esse grande jogador do passado em tão evidente decadência.

Há atletas que não sabem a hora de parar. Outros até sabem, mas teimam em pendurar as chuteiras. Será que este não é o caso de Jardel? Naturalmente, se ele é feliz jogando bola, quem sou para questionar as suas razões? Apesar disso, preferia Jardel encerrando as suas atividades nos gramados. Ele já prestou grande serviço no futebol, não há mais nada a fazer. Por isso, acho desnecessária a sua permanência dentro das quatro linhas, a ponto de passar por esse constrangimento.

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. Fabricio Schneider permalink
    fevereiro 26, 2010 8:50 pm

    Na entrevista durante o jogo a ESPN, o Jardel disse que pretende jogar até final do ano que vem e fazer um jogo de despedida no estádio Olímpico.

  2. Firmino permalink
    fevereiro 26, 2010 9:44 pm

    Ele queria porque queria encerrar a carreira no Olímpico. Tem 36 anos, mas já está claramente acabado. Vendo as entrevistas que ele deu no dia da despedida do Danrlei ele parecia estar inclusive bêbado naquele dia. Que ele pelo menos faça um jogo de despedida no Olímpico como fez o Danrlei, estarei lá com certeza. No mais, que seja feliz após pendurar as chuteiras. Nós, com certeza, nunca o esqueceremos.

  3. Celso Miranda permalink
    fevereiro 27, 2010 3:18 pm

    Olhem q li na imprensa paulista http://blogdoavallone.wordpress.com/2010/02/27/humildade-do-exercito-gremista Penso q merece um comentário do blog. Nõa podemos deixar assim.

    • fevereiro 27, 2010 4:54 pm

      Celso, o texto é tão insignificante quanto aos argumentos e também ignorante quanto à história do próprio Grêmio, que eu me recuso a dar mais atenção do que acabei de dar (ao ler esse lixo). Não vale a pena. Minha preferência j0rnalística é de outros profissionais, como os da ESPN Brasil ou alguns do Sportv. Não esse lixo. Principalmente se for o Avallone que eu penso. É a mesma coisa do Chico Lang: não vale a pena bater em cachorro morto. Nós somos superiores a esse tipo de comentário.

      Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: