Skip to content

Mudou o horário mesmo.

fevereiro 6, 2010

O jogo entre Grêmio e Universidade, marcado inicialmente para acontecer às 17h deste domingo, mudou de horário.

Após a ação judicial do Sindicato dos Atletas Profissionais do Rio Grande do Sul solicitando a proibição de jogos na faixa de horário entre 10h e 18h, que resultou em uma liminar concedida favorável pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT/RS), o jogo foi remarcado para às 19h de amanhã.

O presidente da Federação Gaúcha de Futebol (FGF), Francisco Noveletto, foi quem deu a informação à imprensa na manhã deste sábado. A FGF buscou derrubar a liminar do Sindicato dos Atletas, mas o TRT/RS indeferiu o pedido.

Na notícia publicada pelo ClicRBS, há a informação que a partida será transmitida pela TVCOM. Pela RBS, em substituição ao jogo do Grêmio na grade de programação, deve ser transmitido o Campeonato Paulista às 17h.

– Foi a primeira queda-de-braço entre Sindicato dos Atletas versus FGF+TV, com uma bem-sucedida vitória do lado mais fraco até então. Até quando vencerá é uma incógnita. A próxima semana será de muito ‘falatório’ e novos embates judiciais. A imprensa (leia-se Grupo RBS) está mordida.

Os clubes, que assinaram os contratos televisivos já sabedores destes dias e horários, estão dando uma de Pilatos. “Eu lavo minhas mãos“. Como se não fossem parte interessada.

Para os torcedores, reina o bom senso para com os jogadores que fazem o espetáculo e para com eles que são quem assistem – pagamos por isso.

> O JOGO > O técnico Silas não terá Adílson e Hugo para enfrentar o Universidade. Os jogadores serão preservados para a estreia da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira contra o Araguaia.

O esquema deve ser o 4-4-2, com Mário Fernandes atuando como lateral-direito. No meio-campo Ferdinando terá novas companhias: Fábio Rochemback, Maylson e Mithyuê devem começar o jogo. A escalação: Victor; Mário Fernandes, Rafael Marques, Maurício e Lúcio; Ferdinando, Fábio Rochemback, Maylson e Mithyuê; Jonas e Borges.

A partida deve marcar a volta do volante Willian Magrão e a estreia do meia Douglas com a camisa do Grêmio.

Confira os relacionados para a partida:

Goleiros: Victor e Marcelo Grohe.
Zagueiros: Mário Fernandes, Rafael Marques, Maurício e Saimon.
Laterais: Lúcio e Fábio Santos.
Volantes: Ferdinando, Fábio Rochemback, Fernando e Willian Magrão.
Meias: Maylson, Mithyuê e Douglas.
Atacantes: Jonas, Borges e Bérgson.

Anúncios
4 Comentários leave one →
  1. Jotaele permalink
    fevereiro 6, 2010 6:34 pm

    Houve algum jogo deles que tenha sido marcado para as 17 horas como foi o do Grêmio contra o São Luiz e agora contra o Universidade?

    • Rodrigo Rodrigues permalink*
      fevereiro 6, 2010 8:13 pm

      Sim.

      O Internacional, assim como o Grêmio, já teve algum jogo marcado às 17h de domingo. É bem verdade que o Grêmio jogou mais vezes até agora do que o rival.

      No 2° turno existe um jogo marcado para às 17h de uma quarta-feira para o Internacional. Será no dia 3 de março, às 17h no Beira Rio, o adversário será o Santa Cruz.

      Agora se até lá o jogo vai acontecer mesmo nesta faixa de horário, eu não sei.

      Abraço.

  2. Jonas Bernardes Silveira permalink
    fevereiro 6, 2010 8:57 pm

    Tenho acompanhado os blogs do pessoal do grupo rbs, e eles são favoráveis à medida.

    Quem fica prejudicada é a federção e a Rede Globo.

    • Rodrigo Rodrigues permalink*
      fevereiro 6, 2010 11:18 pm

      Não sei que blogs da RBS você exatamente está falando Jonas, mas é verdade que o Nando Gross elogiou a atitude e acrescentou que se deveria a atitude ser seguida por todo o território nacional. E ainda falou sobre a importância dos clubes serem mais incisivos nos contratos.

      Mas o que senti de outros setores da RBS foi aceitar as justificativas que levaram à proibição das partidas dentre do determinado horário, mas logo cutucar o Sindicato da razão de tomar a atitude somente agora.

      No Twitter, o narrador Gustavo Manhago e o repórter Luciano Calheiros chegaram a ‘discutir’ com outros twitteiros pegando as dores da emissora em que trabalham e os tais direitos de transmissão, que é bem verdade são de total direito porque os clubes aceitam sem dar um ‘a’ nem ‘b’.

      Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: