Skip to content

Cabeça de jogador

janeiro 20, 2010

O jogador de futebol é um ser misterioso. Pode ser que o Catania pague um salário maior a Maxi López se comparado ao que recebia no Grêmio. No entanto, não é compreensível um jogador trocar um dos maiores clubes deste planeta, com maior estrutura, torcida e até exposição na mídia argentina, por outro que nem sequer é médio no futebol italiano e se encontra na penúltima colocação do Campeonato Italiano.

Engana-se Maxi López se pensa que o caminho no Catania é o mesmo atravessado por Tevez no West Ham na temporada 2006-2007. Primeiro porque o ex-jogador do Boca Juniors joga muito mais do que Maxi, segundo porque a Premier League tem uma exposição na mídia muito maior do que o Cálcio.

Mesmo num clube pequeno, Tevez teve mais câmeras voltadas para si, carregou um time nas costas e logo não tardou a se transferir um clube grande como Manchester United. O mesmo não se pode esperar em Maxi López no solo italiano.

Já acreditava que trocar o Grêmio pela Lazio seria um grande erro do atacante. Ao se transferir para o Catania, Maxi López praticamente joga no buraco a sua carreira. Por isso, há ocasiões em que não é possível entender a cabeça do jogador de futebol.

Caso permanecesse no Grêmio, ele poderia ser ídolo no Olímpico (mesmo longe de ser um craque) e se aproveitar da proximidade de seu país-natal. Quem sabe, chamaria a atenção de Maradona para a seleção argentina. Tudo deixado de lado para atuar pelo Catania.

Se essa foi a vontade de Maxi López, então boa sorte a ele. Vai precisar. Se conseguir alguma chance na seleção argentina jogando pelo Catania, tiro o meu chapéu. Mas convenhamos, ele teria que jogar muito mais do que sempre jogou. Enquanto no Grêmio, a fila anda. Acredito que Jonas, Borges e Leandro possam suprir com facilidade a ausência de Maxi López.

Post Scriptum: Independente da escolha de Maxi, lamento ainda mais a saída de Wanda Nara. Mesmo assim, sempre fui mais a Débora Secco.


Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. Conde permalink
    janeiro 21, 2010 11:35 am

    É isso aí…falou tudo

    As expectativas que ele poderia ter jogando no Grêmio nem se compara com as que ele vai ter agora jogando pelo Catania.

    Infelizmente vai cair no ostracismo de novo…é uma pena, eu era fã dele

  2. Daniel Alves permalink
    janeiro 22, 2010 4:58 pm

    É verdade, agora ele vai sumir de novo, pelo andar da carroagem ele vai pra segunda divisão italiana, aí em 2011, em vez de disputar a Libertadores, o Maxi vai disputar a segundona italiana.
    Será que o salário que o Grêmio pagava pra ele era tão menor do que o que ele vai ganhar no Catania??
    Realmente é uma pena, eu também era muito fã dele, gostava de ver ele jogar com a raça que ele demonstrou, e eu queria muito ver o ataque com Maxi López e Borges. Fazer o quê né???
    Abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: