Skip to content

Grêmio 5×1 Fluminense – Campeonato Brasileiro 2009

setembro 20, 2009
Foto: Fernando Gomes - ClicRBS

Foto: Fernando Gomes - ClicRBS

O Grêmio fez aquilo que deveria fazer diante do Fluminense, na tarde deste domingo. Apesar da crise e a lanterna do clube carioca, os jogadores gremistas trataram o jogo com seriedade e focado nos três pontos, sem se deixar levar pelo salto alto. Assim, prevaleceu a superioridade técnica do Imortal e a goleada surgiu naturalmente.

Com 23 minutos de jogo, o Grêmio já havia liquidado os três pontos. Souza fez o primeiro, apesar de o gol ser contra de Adeílson, mas na súmula do arbitro consta o nome do meia gremista. Tcheco fez o segundo gol através do pênalti de Gum em Herrera e depois da trapalhada de Jonas. E o camisa 10 ainda fez a assistência para mais um gol de Souza.  Já o Fluminense apenas ameaçou Victor em uma oportunidade na primeira etapa, com o chute de Dario Conca e nada mais.

No segundo tempo, Cuca tenta mudar a postura do time carioca e faz duas substituições no intervalo: Marquinhos e Cássio entraram no lugar de Equi González e Paulo César respectivamente. As alterações tinham apenas como objetivo evitar uma goleada maior. A princípio, o plano de Cuca até funciona nos primeiros minutos, visto que até o próprio Grêmio não começou na etapa final com mesmo ímpeto do primeiro tempo. E com isso, o Fluminense acha o gol com Kieza, aos 12 minutos.

Mas a esperança carioca acabou no minuto seguinte. Herrera cruza pela esquerda e Cássio, temeroso com a presença de Jonas, se precipita faz outro gol contra, ampliando a vantagem gremista para 4×1. Assim, o Fluminense deu adeus a qualquer tipo de esperança na partida e ainda houve tempo de sofrer o quinto gol do Grêmio, em belo lance do artilheiro Jonas, agora com 13 gols no Brasileirão, junto com Adriano do Flamengo.

A vitória gremista por 5×1 aumenta as chances do time de Paulo Autuori entrar no G-4 e ainda alimentar a esperança pelo título brasileiro. Time para isso o Grêmio tem, basta obter a tão esperada regularidade neste Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário do Grêmio será o Goiás, no estádio Serra Dourada. Este jogo pode ser considerado um divisor de águas. Caso o Tricolor ainda pense em título, os três pontos nesta partida serão imprescindíveis. Além disso, o time esmeraldino é concorrente direto do Grêmio pelo G-4. Por essa razão, o jogo da próxima rodada ganha status de decisão.

Rapidinhas

Quando Jonas pegou a bola de Tcheco para cobrar a penalidade, o sentimento era de que erraria a cobrança. Por coincidência ou não, geralmente em situações assim, os pênaltis são desperdiçados. E não deu outra.

Por mais nobre que seja a vontade de Jonas brigar pela artilharia, esse tipo de atitude é inadmissível. Tcheco é o cobrador oficial e isso deve ser mantido.

Ruy se esforçou na partida deste domingo, mas Thiego e Mário Fernandes são mais jogadores na lateral-direita, o que nos leva a crer que não haveria mais espaço para ele no Grêmio.

Já Diogo e nada são as mesmas coisas. Graças Fluminense, por levá-lo.

Tcheco e Souza jogaram muito bem. Espera-se a mesma atuação diante do Goiás.

Adilson foi soberano, enquanto Rochemback fez boa partida, mostrando melhor condição física do que nos jogos anteriores.

Victor fez uma defesa espetacular em chute de Urrutia. Como sempre, prova mais uma vez que é o melhor goleiro atuando em solo brasileiro.

Uma pena que Renato não tenha tempo mostrar mais o seu futebol.

Herrera não fez gol, mas brigou. Já foi uma atuação melhor do que as anteriores.

Fluminense está praticamente na Série B. Além do time ser limitado, o clube carioca atravessa uma crise política, inclusive com risco de impeachment para o presidente Roberto Horcades. Tais elementos juntos condenam um clube ao rebaixamento.

Além disso, três vitórias em 25 jogos é um retrospecto de time que cairá para Série B.

Ficha técnica – Grêmio 5×1 Fluminense – 25ª rodada do Campeonato Brasileiro 2009

Grêmio
Victor; Thiego, Rafael Marques, Réver e Bruno Collaço; Adilson (Túlio), Fábio Rochemback, Tcheco (Renato) e Souza (Léo); Jonas e Herrera
Técnico: Paulo Autuori

Fluminense
Rafael; Ruy, Gum, Luiz Alberto e Paulo César (Cássio); Diogo, Urrutia, Equi González (Marquinho) e Darío Conca; Adeílson (Fábio Neves) e Kieza
Técnico: Cuca

Data: 20/9/2009 (domingo)
Local: Estádio Olímpico Monumental
Árbitro: Wallace Nascimento Valente (ES)
Auxiliares: Carlos Berkenbrock (FIFA/SC) e José Ricardo Maciel Linhares
Cartões amarelos: Marquinho, Adeílson (Fluminense); Herrera (Grêmio)
Gols: Souza, aos 11min e aos 22min; Tcheco, aos 18min do primeiro tempo. Kieza, aos 12min; Cássio (contra) aos 13min; Jonas, aos 39min do segundo tempo.

Anúncios
6 Comentários leave one →
  1. Roberto permalink
    setembro 20, 2009 11:08 pm

    Se o time conseguir manter essa seriedade em todos os jogos que restam, dá sim pra pensar em Libertadores e até em título. Mas só vou abrir a boca pra dizer que o time está realmente no caminho se vier uma vitória contra o Goiás dentro do Serra Dourada mesmo.
    Vitórias diante de Náutico e Fluminense, apesar das duas boas atuações seguidas, não podem servir de parâmetro pra nada.

  2. setembro 21, 2009 9:30 am

    Suas constatações sobre Tcheco e Souza estao muito colocadas e espero que eles joguem da mesma forma contra o Goias, porque ai teremos chances de vencer, sobre o Ruy nem se fala, agora que o Fluminense é um bebado a sim é, rsrsrs, e o Adilson é craque a sim é tambem. abraços.

    Saudações do Gremista Fanático

  3. setembro 21, 2009 10:36 am

    Sabia que o Grêmio ia destruir nesse jogo.

  4. setembro 21, 2009 12:06 pm

    eu sabia que o grêmio ia golear ele é o melhor não tem pra mais ningupem agora é só o grêmio.

  5. setembro 21, 2009 12:08 pm

    eu sabia que o grêmio ia golear ele é o melhor não tem pra mais ninguem agora é só o grêmio.

  6. Régis permalink
    setembro 21, 2009 11:18 pm

    Sem dúvida alguma, o patético frufru não seria páreo para tricolor gaúcho, e nada mais normal que golear um time sem expressão como o clube carioca. Time que perde para Fluminense, vai ganhar de quem? O ataque gremista vai se solificando como o melhor e mais eficiente do Brasil, graças aos dois grandes nomes deste time, Souza e Tcheco. Parabéns, tricolor, por mais uma atuação impecável no Olímpico.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: