Skip to content

O preço do profissionalismo precoce

julho 29, 2009

Foto: Daniel Marenco - ClicRBS

Foto: Daniel Marenco - ClicRBS

Um grande motivo de Douglas Costa estar apresentando um futebol abaixo de seu potencial está em suas ações correspondidas pela sua falta de maturidade. O jogador era criticado por ser muito tímido, agora se tornou notícia de páginas policiais ao ser detido pelos fiscais da EPTC, por dirigir um veículo sem carteira de habilitação.
Douglas Costa simboliza um problema que vem se tornando rotineiro no futebol brasileiro. Os nossos campeonatos são de extremos. Ou você tem jogadores já a poucos passos da aposentadoria ou jovens atletas das categorias de base. No meio desse bolo, ficam os jogadores com idade aproximada de 25 anos que não deram certo ou não conseguiram despertar o interesse do futebol internacional.
Assim, para agregar mais talentos, já que os nossos maiores jogadores estão fora do país, torna-se necessário apostar cada vez mais cedo nas categorias de base, formando profissionais de maneira mais precoce. E isso tem um custo, que é o amadurecimento gradual de alguns atletas.
O que Douglas Costa faz não é nada diferente do que boa parte dos jovens da idade dele fazem, quando vai em baladas, bebe o que bem entende e até faz bobagens. Não que tudo isso se justifique, mas pela falta de maturidade, nós cometemos erros.
A dificuldade encontrada por alguns clubes é fazer com que esses jovens atletas, que querem mais usufruir daquilo que a juventude lhe oferece, entenderem que são jogadores profissionais. Isso não é fácil. E tudo piora quando esses atletas passam a ser comparados a jogadores consagrados, como alguns jornais britânicos comparam Douglas Costa a Cristiano Ronaldo.
Hoje, Anderson é um ídolo incontestável por causa da Batalha dos Aflitos, mas vale lembrar que ele amargurou o banco de reservas em muitos jogos da Série B, não só pela lesão que sofrera na sua estadia na seleção brasileira no Mundial Sub-17, mas também porque seu desempenho caíra drasticamente, irritando a muitos torcedores. E essa oscilação é algo muito comum nos jovens.
Outros exemplos são Lulinha do Corinthians, um garoto que tinha  enorme potencial e hoje é hostilizado pelos torcedores; e até mesmo Taison do Internacional, que é um grande promessa, mas já falava em “Show de Taison”, o que irritou alguns colorados. E no próprio Grêmio houve  o sumiço de Mário Fernandes, quando entrou em depressão ao estar afastado de sua família. Portanto, o que ocorre com Douglas Costa não é nenhuma novidade. Se o jogador não tiver maturidade, ele será engolido pelas tentações ou dificuldades de uma vida a qual ainda não tem experiência para lidar.
Então o que o Grêmio deve fazer com todos  os seus jovens atletas é prepará-los para  esse tipo de vida, principalmente quando um jogador sai do anonimato e fica no estrelato. Sem um acompanhamento incisivo para a preparação na mentalidade de um profissional, algumas revelações podem se perder na vida. Esse é o preço pelo profissionalismo precoce.

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. julho 29, 2009 4:02 pm

    Pois é hoje em dia ta meio complicado pro cara segurar a cabeça e ser profissional disciplinado, mas os clubes tem como obrigação ensinar os jovens atletas a serem melhores nesse sentido, abraço.
    Saudações do Gremista Fanático

  2. julho 31, 2009 4:02 pm

    Bruno, perfeito teu texto.

    Infelizmente essa é uma questão muito mais emocional do que futebolística. Mas acho que o Grêmio e o Autuori estão atentos e o Douglas deve superar as dificuldades.

    Feito isso, tem grande futuro.

    Abs!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: