Skip to content

Souza está coberto de razão

abril 22, 2009

 

Foto: Daniel Marenco

Foto: Daniel Marenco

Desde os tempos de São Paulo, Souza sempre foi conhecido pelas suas declarações polêmicas, mas sinceras a respeito do que ocorria em sua volta e até mesmo provocações aos rivais (principalmente ao Corinthians). Às vezes, o meia pode falar demais, porém é inegável que suas palavras fujam das mesmices ditas pela maioria dos jogadores de futebol.

Desta vez, Souza foi certeiro em sua crítica: “Lideramos a Libertadores, mas a dimensão da nossa eliminação no estadual foi muito maior. Olha a repercussão do título do Inter! O marketing deles é muito grande”, desabafou o meia.

Souza está muito correto. E antes de tudo é preciso dizer que em nenhum momento o nosso jogador atacou o Inter ou buscou desvalorizar o seu título estadual. O alvo foi claro: a imprensa.

Como bem adiantou o blog Gremio 1983, não demorou muito para interpretações equivocadas sobre a declaração do atleta. Quando acessei o site FinalSports e li o título “INTER É SÓ MARKETING –  DIZ SOUZA!!!”, do blog do Sérgio Couto, tive uma interpretação provocativa ao clube colorado no momento. Depois que busquei mais informações, vi que não era bem assim.

Pior foi ler a coluna do Wianey Carlet como se o alvo do Souza fosse o marketing gremista. Pela interpretação que tive, assim como os demais colegas gremistas, a reclamação é pela grande repercussão que parte da imprensa dá ao Inter no decorrer do Gauchão, enquanto o Grêmio na Libertadores é deixado em segundo plano. Antes isso tudo fosse neura, mas não é. A coluna do Jorge Bettiol, do site Ducker, mostrou duas capas do jornal (se é que podemos chamar isso de jornal) Diário Gaúcho, dando destaques bem diferentes da vitória do Inter sobre a ULBRA no Campeonato Gaúcho e da vitória do Grêmio contra o Universidad de Chile pela Copa Libertadores. Basta olhar as duas capas para dar razão às palavras do meia.

E continuando com Wianey, ainda há esse trecho em sua coluna: “A merecida classificação do Grêmio está registrada mas, será que o Souza desejaria pôster nos jornais alusivos a conquista da vaga?”, não caro Wianey, apenas queremos o reconhecimento que a vaga na Libertadores é mais importante do que o título da Sul-Americana, por exemplo.

Daí os colorados, ao lerem este texto, podem pensar que é dor de cotovelo. Não é! Porque reconheço a importância do título do rival, apenas não concordo com tamanho barulho dado. E quando digo que a vaga na Libertadores é mais importante do que o título da Sul-Americana, eu me baseio numa simples meritocracia. Afinal, para ser campeão da Sul-Americana, o time precisa se classificar no Campeonato Brasileiro entre o quinto ao décimo terceiro colocado, enquanto o time que obtém a vaga na Libertadores precisa ficar entre os quatro primeiros. Não se trata apenas da minha afirmação, e sim o método de classificação para a Sul-Americana sugere essa lógica. Porém, a vaga do Grêmio para a Libertadores não teve nem um terço da repercussão do título colorado. Pelo contrário, mesmo não sendo verdade, a imprensa entrou na onda do “Campeão de Tudo”, numa jogada de mestre do marketing colorado, que escondeu o fracasso do clube em 2008, que era exatamente obter a vaga na Libertadores em seu centenário.

Neste ano, o que testemunhamos é o Gauchão ganhar muito mais destaque do que a Libertadores. Quem acompanha a mídia gaúcha, sabe que não estou exagerando. Muito se questiona a qualidade técnica do grupo do Grêmio, mas será que os times do Campeonato Gaúcho são tão superiores assim? Com toda certeza, o Aurora e o Boyacá Chico não levariam de 8×1 numa final de campeonato. Mas para parte da imprensa, o Grêmio é líder do grupo pela fraqueza dos adversários, enquanto o Inter é campeão gaúcho por ser um dos melhores times do Brasil. De fato, o time colorado é sim um dos melhores do país, assim como o Grêmio, que não tem o devido crédito pela boa campanha na Libertadores.

Por todas essas razões, que entendo perfeitamente as palavras de Souza. É como se todo um trabalho feito de maneira árdua não fosse reconhecido de maneira devida. E nunca gostei de entrar na onda da “imprensa vermelha”, mas há episódios que parte da mídia esportiva do Rio Grande do Sul passa essa impressão.

Anúncios
5 Comentários leave one →
  1. abril 22, 2009 11:18 pm

    Bom, convenhamos que é muito mais fácil esperar que a imprensa (e especialmente a imprensa gaúcha) interprete a declaração de forma a causar polêmica e chamar a atenção do que de repente fazer um mea culpa e repensar toda a sua cobertura sobre o time…

  2. abril 23, 2009 3:25 pm

    Bruno, teu texto está excelente. Eu desconhecia a declaração do Souza e acho que ele tb tem razão. A imprensa gaucha curte uma polêmica e lucra com isso, logo, não tem como eles não distorcerem algo claro e direto.

    Já os vermelhos são espertos. Inflacionaram o número de sócios, mudaram o escudo para o próprio torcedor usar direito, até uma nova história do clube eles inventaram!!!!!

    Não espero muito da imprensa vermelha, mas realmente o Marketing colorado é muito bom. Sério, é algo a se conhecer e aprender. Daqui a pouco eles viram a maior torcida, o time mais conhecido do Sul e vão dizer que ganhar gauchão é mais importante do que ser Campeão da Libertadores. kkkkk….

    Só acho uma coisa.

    Os times (todos eles) não precisam da imprensa, é a imprensa que precisa dos times. No caso gremista, basta os caras jogarem, ganharem essa Libertadores e deixem a imprensa pra lá. Quem ama o Grêmio é a sua torcida. E cada um valoriza o que quer e o que pode.

    Um clube que passa 100 anos à sombra do maior do Sul precisa destacar até título de bolinha de gude! To mentindo?

    Abs!

  3. abril 23, 2009 4:43 pm

    Tchê, EXCELENTE POST!!!!
    Muito bom mesmo. Concatenaste tudo o que acho a respeito deste circo (igual ao ano passado) montado ao redor do Inter. O time bate em cachorro sarnento como Caxias desfalcado e Guarani(times de TERCEIRA DIVISÃO) e vira o melhor time do Brasil, quiçá do mundo. É demais para qualquer um com um pingo de bom senso e conhecimento de futebol. É bem isso.
    Qualquer colorido trocaria de olhos fechados esta Sul Americana pela vaga na Libertadores no ano do centenário. Quem nega isso, ou o faz por desconhecimento do esporte e suas prioridades, ou por vergonha de admitir.
    Parabéns, mais um vez.
    Abs
    Eduardo Trindade
    http://www.eduardotrindade.com.br

  4. abril 23, 2009 6:12 pm

    Obrigado Eduardo. De novo esqueci de verificar o Spam e aprovei os outros comentários. Desculpe, acabei esquecendo mais uma vez. De fato, é o hyperlink que faz isso. Abraço e valeu.

Trackbacks

  1. Souza solta o verbo « Eduardo Trindade online

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: